Notícias

Banco Central nega nota de R$ 200 com vira-lata caramelo, mas estuda ação com animal

​​​​​​​Começou com um meme, mas a homenagem ao animal de estimação mais querido do Brasil pode se tornar uma realidade, de certa forma

Por Estadão Conteudo, 08/08/2020 às 11:20
atualizado em: 08/08/2020 às 11:34

Texto:

Foto: Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter


Começou com um meme, mas a homenagem ao animal de estimação mais querido do Brasil pode se tornar uma realidade, de certa forma. O Banco Central confirmou ao Estadão que está avaliando uma ação envolvendo o famoso vira-lata caramelo, mas que não pretende substituir o lobo-guará pelo cachorro na nova cédula de R$ 200.

Uma petição pedindo a troca foi criada pelo deputado federal Fred Costa (Patriota-MG) e já possui mais de 70 mil assinaturas. "Não descartamos a relevância do lobo-guará na história e na fauna brasileiras, porém o cachorro vira-lata está mais relacionado ao cotidiano dos brasileiros e, além disso, é presente em todas as regiões do país", diz o texto do abaixo-assinado.

"A inclusão do vira-lata caramelo na cédula é incentivo não só para a adoção, mas também para o controle da espécie", continua o texto ao justificar a mudança. No Instagram, o deputado ressaltou que a cédula seria uma forma de lembrar da "importância de respeitá-los, da adoção e contra os maus-tratos".

Em resposta ao Estadão, a assessoria do Banco Central confirmou a informação de que está estudando "alguma ação" envolvendo o vira-lata caramelo, mas não deu mais detalhes. Já o lobo-guará seguirá como "elemento ilustrativo" da nova nota.

Logo após o anúncio do lançamento da cédula de R$ 200, que deve começar a circular em agosto, diversos usuários compartilharam montagens com o vira-lata na nota.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'O projeto introduz dispositivos claros e objetivos, com penalidade para aqueles que prestarem informações falsas ou deixarem de executar as medidas compensatórias', defend...

    Acessar Link