Notícias

Programa de Inovação Aberta - ScioX promete aquecer o mercado mineiro de startups

Inscrições vão até o dia 10 de fevereiro e podem ser feitas pelo site do programa

Por Informe Publicitário, 24/01/2020 às 17:10
atualizado em: 24/01/2020 às 17:26

Texto:

Divulgação

De acordo com a Associação Brasileira de Startups (ABStartups), Minas Gerais é considerado o segundo maior polo de startups do Brasil e esse modelo de negócio tem despertado cada vez mais investidores. Diante desse cenário, o Grupo ALF lança o seu Programa de Inovação Aberta - o ScioX.

O projeto é destinado às startups mineiras do mercado de Saúde e/ou Educação, trabalhando o conceito de inovação aberta atrelado à mudança, transformação e ao desenvolvimento de novas soluções.

Injeção de ânimo na economia

Conforme publicado no último Boletim Macrofiscal, da Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia, os indicadores da economia brasileira têm apresentado resultados acima da expectativa de mercado. Um exemplo é a previsão de que o Produto Interno Bruto (PIB) tenha expansão de 2,40% em 2020.

Nesse contexto, o ScioX entra como um dos agentes que auxiliarão na retomada e confiança de investidores, com o objetivo de conectá-los a potenciais modelos de negócios em expansão.

Diferentemente das aceleradoras, o Programa de Inovação Aberta visa tornar as startups ainda mais escaláveis, prezando pela qualidade, estabelecendo uma parceria de longa duração, a fim de tornar o projeto visível ao mercado, além de contribuir para uma economia sustentável e aplicável de forma justa.

Conheça os benefícios

Com o slogan "Inovação de Impacto", o ScioX irá proporcionar uma experiência singular e impactante às startups aprovadas, oferecendo:

- Aporte financeiro;

- Apoio na co-criação de soluções;

- Acesso ao espaço Coworking exclusivo na sede do Grupo ALF;

- Mentores, workshops, especialistas e empreendedores.

Esses benefícios fazem parte de um processo minucioso de validação, que marcará a trajetória dos participantes ao longo do percurso de desenvolvimento do projeto que pode ter duração em torno de 3 a 6 meses, conforme a maturidade do projeto.

Parcerias promissoras

Segundo dados da ABStartups, o número de startups no Brasil saltou de cerca de 5 mil (em 2015) para mais de 12 mil (em 2019) - um aumento superior a 200%. Ciente dessa crescente demanda, o Grupo ALF, por meio do ScioX, está disposto a desenvolver parcerias para o crescimento de ambas as partes.

"Acreditamos que há muita gente fazendo mais e melhor que nós e queremos essas pessoas por perto. Sabemos que é um grande desafio, mas temos ampla experiência no mercado de saúde e educação. Por isso, vamos investir em novas ações consonantes ao nosso negócio", afirma o economista e executivo chefe do Grupo ALF, Fabiano Almeida.

As inscrições para o Programa de Inovação Aberta - ScioX podem ser realizadas até o dia 10 de fevereiro pelo site: www.sciox.com.br. Para saber outras informações sobre o projeto, os interessados podem enviar e-mail pelo: contato@sciox.com.br

O Grupo ALF

O Grupo ALF é uma Holding Familiar, com um histórico de pioneirismo e sucesso, tendo em seu DNA o empreendedorismo e em sua essência os valores da ética e profissionalismo.

O fundador Antonio Lago Filho foi pioneiro no desenvolvimento de projetos de educação continuada para médicos, no Brasil e no exterior, estabelecendo parcerias com instituições de ensino, como: Harvard Medical School (em Boston) e University of Miami (na Flórida).

Antonio Lago também esteve à frente de operações estruturadas na área da saúde, mantendo sólidos relacionamentos com hospitais em todo o Brasil. Após uma operação bem-sucedida de M&A, atualmente atua em sua holding de venture capital e busca projetos inovadores nas áreas de educação e saúde, visando expansão dos negócios para todo o Brasil, mercados europeus e bem como Estados Unidos.

A sede do grupo está localizada na Av. Getúlio Vargas, 447, 2º e 3º andar, Savassi - Belo Horizonte.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'O projeto introduz dispositivos claros e objetivos, com penalidade para aqueles que prestarem informações falsas ou deixarem de executar as medidas compensatórias', defend...

    Acessar Link